Kleuton & Karen
Divulgação

Kleuton & Karen

Considerados pela crítica especializada como uma das melhores duplas caipiras do país, Kleuton e Karen passeiam pelos clássicos de raiz e músicas autorais. Naturais de Brasília (DF), a dupla genuinamente caipira usa o carisma para levar alegria aos amantes da música raiz.


Em uma reunião de amigos, Kleuton e Karen, fizeram uma roda de viola por brincadeira, e quem assistiu gostou muito. Com tanta cobrança de formação da dupla, decidiram se inscrever em um festival regional para sentirem a aceitação do público. Foi um sucesso! Conquistaram o 1º Lugar dentre 600 duplas do Estado de Goiás. Desde esse momento, a dupla não parou mais.


Em 2008 Kleuton & Karen participaram do Festival de Violeiros Amadores de Poxoréu – MT, onde foram premiados e abriram as portas para o Brasil inteiro. Desde 2008, eles participam do Encontro de Violeiros de Poxoréu, onde consideram que a festa faz parte de sua carreira por terem sido revelados nos palcos do evento. Em 2011, a dupla participou do Encontro de Culturas Tradicionais da Chapada dos Veadeiros.


Com 22 títulos em festivais a nível nacional (GO, MT, MG, SP, DF, ES, AC, PR, RJ, etc.) inclusive Barretos (SP), em agosto de 2010, receberam o Prêmio Rozini da Excelência da Viola Caipira como dupla revelação de 2010, promovido pelo IBVC (Instituto Brasileiro da Viola Caipira) em Belo Horizonte dia 18 de janeiro de 2011.


Lançaram o primeiro CD de sua carreira, intitulado "Genuinamente Caipira", música de sua autoria com parceria de Ismar Resende. E em 2013 ganharam o troféu da 24ª edição do Prêmio da Música Brasileira, categoria regional, com o disco “A Viola Permanece“.


Kleuton e Karen mostram um pouco da harmonia rancheira em músicas raízes clássica a raízes românticas. Seguem no resgate e na defesa da bandeira da música raiz, com viola e violão. E é um dos únicos casais (em seu estilo) no seguimento caipira no país inteiro.


"A gente é o único casal caipira do Brasil. Hoje, nessa linha de pagode de viola, a música caipira tocada aí, o rasqueado, o cururu, toada ligeira, nosso disco tem o batuque que é um ritmo que quase música nenhuma toca. E é isso aí, a gente tem defendido a todo custo, com viola e violão e como diz nós mesmo, com os dois queichos, que é duas vozes", explica Kleuton. 




artistas e grupos similares
Junior Ferreira Trio

Junior Ferreira Trio

O acordeonista Junior Ferreira teve seu primeiro contato com a música ainda na infância, período em que tocava flauta doce e pian [»]

Conhecer »
Paulo César Pinheiro

Paulo César Pinheiro

Paulo César Pinheiro é letrista, poeta, escritor, músico e intérprete brasileiro. Com mais de 40 anos de carreira, o artista fez [»]

Conhecer »
Mestre Solano - o Rei da guitarrada

Mestre Solano - o Rei da guitarrada

Mestre Solano percorre o País difundindo a música paraense, quebrando barreiras geográficas e culturais, ensinando que a música [»]

Conhecer »